NEWSLETTER [ON]TEM

11/03/2022

Telegram e Twitter são apontados como as principais fontes de pirataria

Ops! Algo deu errado. Tente mudar de navegador e inserir seu e-mail novamente.

Telegram e Twitter são apontados como as principais fontes de pirataria. Segundo os representantes das gravadoras na europa, estas mídias sociais vêm se tornando o maior meio de disseminação de downloads ilegais. Reddit e Discord também entram nessa extensa lista. [Tecnoblog]

Rússia dissemina desinformação contra a Ucrânia na Moldávia. Na tentativa de manter a Moldávia em sua zona de influência, a Rússia vem construindo uma narrativa contra imigrantes e governo ucranianos. Para isto estão utilizando postagens em mídias sociais como o TikTok e Facebook, amplificadas artificialmente para impactar os habitantes do país. [Wired

Amazon planeja acusar sindicalistas de coagir eleitores. A empresa compartilhou documentos mostrando que planeja contestar a vitória do sindicato recém criado pelos seus funcionários. A Amazon  acusa tanto o sindicato quanto o regulador federal do trabalho de violar a lei federal, pois segundo ela houve coerção para que os trabalhadores se sindicalizassem. [Engadget

EUA tentam melhorar a segurança cibernética de dispositivos médicos. A FDA, órgão responsável pela fiscalização e segurança destes dispositivos, está pressionando o Congresso americano para a criação de uma nova legislação, que auxilie na segurança de dispositivos médicos. Atualmente estes dispositivos têm acesso a internet e pouca segurança o que acaba expondo os pacientes a possíveis vazamentos de dados. [The Verge]

Newsletter diária com as principais notícias do dia anterior sobre tecnologia e sociedade. Enviada toda manhã, de segunda à sexta.